Olimpíada de História lança exposição feita por estudantes com análises críticas ao Bicentenário da Independência

De volta à lista

Em 24/07, por Assessoria de imprensaONHB14

A Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB), projeto realizado pela Unicamp, lançou a exposição virtual “A Independência Exposta”, que reúne o trabalho feito por 5,5 mil estudantes de escolas públicas e privadas de todo o país sobre o Bicentenário da Independência. A exposição pode ser acessada aqui.

O trabalho foi realizado entre maio e junho de 2021 por equipes participantes da 13ª edição da ONHB, com apoio dos professores orientadores, que chegaram até a quinta fase da competição, resultando em 1,8 mil exposições. A atividade traz reflexões e questionamentos sobre as diferentes interpretações da Independência do Brasil, por meio de abordagem do contexto geral da data, informações sobre o próprio evento, questões regionais e a relação com os dias atuais.

Na tarefa proposta pela ONHB, as equipes deveriam imaginar que haviam recebido, em sua escola, uma sala de aula com quatro paredes para realizar uma exposição. Dessa forma, os estudantes deveriam desenvolver o trabalho em um espaço tridimensional pelo qual as pessoas circulam e podem ter acesso a conteúdos disponíveis por meio de textos, imagens, objetos e recursos digitais.

Segundo Cristina Meneguello, coordenadora da ONHB e professora do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da Unicamp, a escolha do Bicentenário ocorreu para que os estudantes tivessem acesso a este tema dentro de uma reflexão de que as datas comemorativas fazem parte da narrativa de identidade de uma nação e carregam diferentes interpretações ligadas aos usos políticos do passado.

Ela também afirma a importância do processo de elaboração de uma exposição do ponto de vista pedagógico e de ampliação de conhecimentos.

“Nesse exercício, as equipes produziram textos, atentas à clareza da escrita e da argumentação, escolheram imagens cuja procedência tinha que ser indicada e até mesmo produziram descrições para pessoas com deficiência visual”, explica. 

Para realizar a tarefa, as equipes tiveram acesso a 10 videoaulas, de cerca de 20 minutos cada, ministradas por professores especialistas de diversas universidades do país sobre o Bicentenário da Independência. Os conteúdos abordam diferentes aspectos do processo desta data e estão disponíveis no canal do Youtube da ONHB (acesse aqui).

Sobre a exposição

 

A exposição (que pode ser acessada aqui) é composta por quatro paredes virtuais. A primeira delas tem como tema “O processo de independência do Brasil: contexto e antecedentes”. Já a parede seguinte tem a função de aprofundar a reflexão a partir do tema “O processo de independência não é um processo único”. A terceira parede versa sobre os contextos locais e regionais da independência. Por último, as equipes fizeram uma reflexão e conclusão, onde exerceram a criatividade e espírito crítico, alinhavando temas que alcançam os dias atuais.

Para Meneguello, uma das expectativas da organização com a exposição é proporcionar que o conhecimento gerado no ensino básico seja conhecido por públicos mais amplos. “Buscamos reafirmar que a escola é, de fato, local de produção do saber e não de sua mera reprodução. Além disso, queremos inspirar as escolas para que elas façam experimentos semelhantes, seja para a comemoração do Bicentenário da Independência ou outros temas”, afirmou.

Para Fernando Coelho, pró-reitor de Extensão e Cultura da Unicamp, a capacidade da ONHB em disseminar a discussão e o conhecimento da História do Brasil para todo o país é de “extrema relevância para a Unicamp”. “A Olimpíada de História demonstra o papel de uma Universidade pública e gratuita para o país. No ano de 2022 em particular, a Unicamp se junta a esse evento para as comemorações do Bicentenário da Independência do Brasil."

Sobre a Olimpíada de História

A ONHB é realizada com apoio do Departamento de História da Unicamp e da Associação Nacional de História (Anpuh). É aberta para estudantes dos ensinos Fundamental e Médio de todo o Brasil. Neste ano, em sua 14ª edição, somou mais de 73 mil inscritos de todo o país. 

Com informações Assessoria de Imprensa ONHB

assessoriadeimprensaonhb@gmail.com

Site desenhado, construído e cuidadosamente mantido pela Preface.